aguamineral@hydrate.com.br +55 (61) 3427-1133 Fazenda Taboquinha Área 19 Brasília DF - Brasil
Ganhe sua Garrafinha Grátis. Ao finalizar o pedido digite o cód: quero1garrafinha
Ganhe sua Garrafinha Grátis. Ao finalizar o pedido digite o cód: "quero1garrafinha"

7 Benefícios cientificamente comprovados da água

7 Benefícios cientificamente comprovados da água
01/03/2017 Hydrate Água Mineral
Benefícios cientificamente comprovados da água

Que beber água faz bem é vital todos sabemos. Mas saiba os benefícios que jea foram de fato cientificamente comprovados:

 

  1. Água ajuda a maximizar o desempenho físico

Se não ficarmos hidratados, o desempenho físico pode sofrer. Isto é particularmente importante durante o exercício intenso ou sob muito calor.

A Desidratação pode ter um efeito perceptível se você perder algo em torno de 2% do volume de água do seu corpo. Para os atletas é comum perder de 6 a 10% do seu peso de água pela transpiração.

Isso pode levar a alteração do controle da temperatura corporal, redução da motivação, aumento da fadiga e tornar o exercício muito mais desgastante e penoso, tanto física como mentalmente.

Foi mostrado que com uma Hidratação ideal o atleta pode reduzir a apresentação desses efeitos e até mesmo reduzir o estresse oxidativo que ocorre durante o exercício de alta intensidade. Isso não é surpreendente quando você considera que o músculo é cerca de 80% de água.

Assim, se você se exercita intensamente e tende a suar muito, manter-se hidratado pode ajudá-lo a se manter no seu melhor desempenho.

Nota: Perder apenas 2% do volume de água do seu corpo já pode prejudicar significativamente seu desempenho físico.

 

  1. Hidratação tem um efeito importante sobre os níveis de energia e função cerebral

Seu cérebro é fortemente influenciado pelo estado de hidratação. Estudos mostram que mesmo a desidratação leve , de 1 a 3% do peso corporal, pode prejudicar muitos aspectos da função cerebral.

Em um estudo de mulheres jovens, a perda de líquido de 1,36% após o exercício prejudicou o humor, a concentração e aumentou a frequência de cefaleias.

Outro estudo semelhante, desta vez em homens jovens, mostrou que a perda de líquido de 1,59% prejudicou a memória de trabalho e aumentou os sentimentos de ansiedade e fadiga.

 

Uma perda de 1 a 3% do liquido corporal equivale a cerca de 0,5 a 2 kg de perda de peso corporal para uma pessoa de 68 kg. Isto pode facilmente ocorrer através de atividades diárias normais, mais ainda durante o exercício ou o muito calor.

Muitos outros estudos, abrangendo de crianças até idosos, mostraram que a desidratação leve pode prejudicar o humor, a memória e o desempenho cerebral

Nota: Desidratação leve (perda de líquido de 1-3%) pode prejudicar os níveis de energia e humor, e levar a grandes reduções na memória e desempenho do cérebro

 

  1. Água potável pode ajudar a prevenir e tratar dores de cabeça

A desidratação pode desencadear dores de cabeça e enxaquecas em alguns indivíduos. Vários estudos têm demonstrado que a água pode aliviar dores de cabeça naqueles que estão desidratados. No entanto, isso parece depender do tipo de dor de cabeça.

Um estudo de 18 pessoas descobriu que a água não teve efeito sobre a freqüência de dores de cabeça, mas reduziu um pouco a intensidade e a duração das dores. A Água potável por vezes pode ajudar a aliviar os sintomas de dor de cabeça, especialmente em pessoas que estão desidratadas.

 

  1. Beber mais água pode ajudar a aliviar a constipação

Constipação é um problema comum, caracterizado por evacuações infreqüentes e dificuldade de passar fezes. Aumento da ingestão de líquidos é muitas vezes recomendado como parte do protocolo de tratamento, e há algumas evidências para apoiar isso:

O baixo consumo de água parece ser um fator de risco para constipação em indivíduos jovens e idosos.

A água carbonatada apresenta resultados particularmente promissores para o alívio da constipação, embora a razão não seja inteiramente compreendida.

Beber muita água pode ajudar a prevenir e aliviar a constipação, especialmente em pessoas que geralmente não bebem água suficiente.

 

  1. Água potável pode ajudar a tratar pedras nos rins

Pedras urinárias são aglomerados dolorosos de cristal mineral que se formam no sistema urinário. A forma mais comum é pedras nos rins, que se formam nos rins.

Há evidências limitadas de que a ingestão de água pode ajudar a prevenir a recorrência em pessoas que já tiveram pedras nos rins. Com maior ingestão de líquidos se aumenta o volume de urina passando pelos rins, o que dilui a concentração de minerais, por isso eles são menos propensos a cristalizar e formar aglomerados.

Ainda não inteiramente comprovado cientificamente , existem indícios de que a água também pode ajudar a prevenir a formação inicial de pedras.

 

  1. Água Ajuda a Prevenir Ressaca

Uma ressaca refere-se aos sintomas desagradáveis ​​experimentados após o consumo de álcool. O álcool é um diurético, por isso faz você perder mais água do que é ingerido na bebida alcoólica e isso pode levar à desidratação.

Embora a desidratação não seja a principal causa de ressaca, pode causar sintomas como sede, fadiga, dor de cabeça e boca seca.

Uma boa maneira de reduzir a ressaca é beber um copo de água entre as bebidas, e ingerir pelo menos um copo grande de água antes de ir para a cama.

 

  1. Beber mais água pode ajudar com perda de peso

Beber bastante água pode ajudá-lo a perder peso. Isto é devido ao fato de que a água pode aumentar a saciedade e aumentar a sua taxa metabólica.

Em dois estudos, beber meio litro de água mostrou aumentar o metabolismo de 24 a 30% por até 1,5 horas. Isso significa que beber 2 litros de água por dia pode aumentar o seu gasto energético total em até 96 calorias por dia.

O momento em que se ingere a água é importante também. Beber água meia hora antes das refeições é o mais eficaz. Isso pode fazer você se sentir mais cheio, e assim, que você coma menos calorias. Em um estudo em pessoas de dieta, os que beberam meio litro de água antes das refeições perderam 44% mais peso, durante um período de 12 semanas.

Ainda se recomenda beber água fria, porque então o corpo vai usar energia adicional (calorias) para aquecer a água à temperatura corporal.

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*